Prefeitura conclui barragem de travessia sobre rio no Assentamento Monte Alegre

Prefeitura conclui barragem de travessia sobre rio no Assentamento Monte Alegre

18 de junho de 2018 0 Por brenosilverio

Além da barragem com aduelas pré-moldadas na ARA-531, a Prefeitura conclui mais duas pontes de interligação no Monte Alegre entre os setores 6 e 2 e 6 e 3

Depois de dois anos e cinco meses, o tráfego na estrada que o liga o setor 6 do Assentamento Monte Alegre ao município de Matão e ao Distrito de Silvânia foi restabelecido nesta sexta-feira (15). Uma data marcante para os assentados que lutaram neste período pela construção de nova barragem em substituição à antiga, que fora rompida pelas fortes chuvas em janeiro de 2016.

“Lutamos muito pela realização dessa obra”, comemora o agricultor Edson José Biagio, de 53 anos, que produz cachaça artesanal e mora ao lado da barragem. Ele conta que perdeu muitos clientes por dificuldades no acesso à sua propriedade.

“Agora chego mais rápido em Matão para vender tomates e pepino”, relata, entusiasmado, o assentado Anderson José dos Santos, 21, que produz legumes.

O montador Danilo da Silva, que mora com a tia no assentamento, foi um dos primeiros a trafegar pela nova barragem. “Vou sempre a Matão e agora está bem melhor”, opina.

“Melhorou bastante. As crianças que moram nos lotes chegarão mais cedo em casa”, também opina o motorista Fernando Boneti, que realiza o transporte escolar nos assentamentos.

Acessos

Além da barragem com aduelas pré-moldadas na ARA-531, para travessia do rio Monte Alegre da estrada de interligação do setor 6 do assentamento a Matão, a Prefeitura conclui mais duas pontes de interligação no Monte Alegre entre os setores 6 e 2 e 6 e 3. O investimento é oriundo de convênio estadual.

“São obras muito importantes para os moradores dos assentamentos da fazenda Monte Alegre, que aguardavam uma solução para o problema desde o início de 2016. Essas pontes e a barragem cederam após fortes chuvas, bloqueando o caminho para Matão, para o distrito de Bueno de Andrada e toda a região vizinha aos assentamentos. Procuramos o Governo do Estado e ele nos atendeu com o repasse para as obras”, afirmou o prefeito Edinho.