Patrimônio Brasileiro em Bueno de Andrada é tema na Câmara Municipal

Patrimônio Brasileiro em Bueno de Andrada é tema na Câmara Municipal

22 de janeiro de 2019 Off Por brenosilverio

Nesta terça-feira(22), a diretoria da ABATur participa da primeira Tribuna Popular do ano em Sessão Ordinária

Patrimônio Brasileiro, Histórico e Cultural de Bueno de Andrada é tema da primeira Tribuna Popular do ano na 92ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Araraquara, que acontece nesta terça-feira, em 21 de janeiro de 2019.

Na ocasião, participam representantes da diretoria executiva da Associação de Bueno de Andrada para Cultura e Turismo Rural (ABATur), quando serão abordadas questões relativas à Cultura e ao Turismo no meio rural no município.
A Procuradoria da República determinou que sejam tombados provisoriamente em âmbito municipal, os bens materiais relacionados em Processo decorrente de Inquérito Civil, formulado com base na representação do publicitário Théo Bratfisch, pelo Ministério Público Federal, junto ao Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN).

A medida protetiva de acautelamento pela Justiça, determina a preservação da Estação Ferroviária de Bueno de Andrada, datada de 1898, que está rachando ao meio e que inclui a casa contígua, e os demais imóveis no entorno da plataforma de embarque e desembarque; a Capela Sagrado Coração de Jesus, com datação de construção de 1912 a 1927;

Além de duas casas centenárias na antiga Fazenda do Horto, na entrada de Bueno de Andrada a serem destinadas para a implantação do Centro Cultural Museu da Roça de Bueno de Andrada pela ABATur de Bueno de Andrada, em tratativas com a Fundação Instituto de Terras do Estado de São Paulo (ITESP) e Universidades.

Os bens imateriais que se referem aos saberes rurais, modos de fazer, culinária, danças folclóricas, como a Festa do Festa do Padroeiro Sagrado Coração de Jesus, com ocorrência deste 1912 para arrecadar fundos para a Capela, devem ser registrados em livro próprio de tombamento municipal, com destaque para o quitute Coxinha, a serem tornados em conjunto, Patrimônio Brasileiro atribuído ao Distrito de Bueno de Andrada.
Outra medida de acautelamento junto ao Ministério Público, se refere a preservação dos trilhos no trecho Estação Ferroviária de Araraquara – Estação Ferroviária de Bueno de Andrada, com 120 anos, para futura implantação do Trem Turístico e o VLT.
O governo municipal está descumprimento a Lei Municipal n° 8.017, de 16 de Setembro de 2013 e a Lei Ordinária Municipal n° 7.918, de 08 de Abril de 2013, que se referem ao direito ao decreto de entidade de utilidade pública requerido para a ABATur de Bueno d

e Andrada.

Para Théo Bratfisch, diretor executivo da associação rural, ”o crescimento econômico com distribuição de renda pelo Turismo Rural com Agricultura Familiar, gera um círculo virtuoso, que reduz a pobreza, propicia forte expansão do mercado consumidor com novos negócios no campo, amplia oportunidades profissionais, valoriza o espaço rural e fortalece a cidadania aos trabalhadores rurais, somente se houver políticas públicas municipais visando resultados, o que não estamos vendo acontecer nessas áreas correlatas de modo transversal como deveria sê-lo”.